Notícias

Sala de estar segura para crianças

Redação
publicado há 3 meses
0
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Os acidentes domésticos que envolvem crianças são bastante comuns. Por isso, é importante adequar a sala de estar e deixá-la mais segura, aconchegante e confortável para os pequenos, afinal, eles brincam e preenchem o lar com amor em todas as assoalhadas da casa. Neste artigo, vamos identificar alguns perigos na estrutura de uma sala de estar e pensar em como podemos evitá-los.

Algumas dicas para manter a segurança das crianças na sala de estar

  1. Como as quinas podem representar um risco de acidentes para as crianças, é preciso que os móveis e demais objetos de uma sala de estar, como mesas de centro e cadeiras baratas, tenham formatos arredondados. É mais do que uma questão simplesmente estética: é a segurança dos seus pequenos. Se sua sala já está mobilada com móveis de linhas retas, uma saída é aplicar cantoneiras ou protetores de silicone nas quinas. Existem no mercado alguns modelos que são transparentes, e você nem vai se lembrar de que estão lá!

Os móveis mais recomendados para ambientes com crianças são os macios, com a maior parte estofada. Se forem simples, daqueles que não juntam poeira e têm tecidos fáceis de lavar, melhor ainda. Os puffs, por exemplo, são uma ótima pedida: são fáceis de mover e não representam riscos.

  1. Os pisos devem estar sempre secos para evitar escorregões. Se o piso da sua casa é de madeira, laminado ou porcelanato, vale colocar tapetes fofinhos para que as crianças possam brincar num chão quentinho e acolhedor. É importante passar uma fixação neles para evitar que as bordinhas fiquem para fora e os pequenos (ou até mesmo os adultos!) acabem tropeçando. Outra opção são os tapetes antiderrapantes.

  1. Devem ser retirados do quarto os objetos pontiagudos, cortantes ou muito pequenos. Tome cuidado com os fios dos eletrodomésticos, que devem ser adequadamente enrolados e guardados, para evitar riscos de choque e enforcamento. Janelas e varandas precisam ter grades ou redes de proteção e, se houver escada, deve haver portões tanto no topo como na base dela.

  1. As portas devem ter suas chaves retiradas da fechadura para que os pequenos não saiam sem você perceber ou abram a porta para pessoas desconhecidas. Também é interessante usar protetores nas portas para evitar que batam e esmaguem os dedinhos das crianças. Eletrodomésticos como ventiladores e objetos delicados como espelhos devem ser mantidos no alto, fora do alcance dos pequenos.

  1. Se tem flores ou outras plantas no ambiente, tenha o cuidado de escolher aquelas que não têm espinhos ou liberam substâncias tóxicas. Recomendamos evitar catos e folhagens pontiagudas, que possam machucar as crianças. Por fim, protetores de tomada, cortinas sem fio e travas de segurança em portas e armários também são úteis para evitar acidentes domésticos.

O cantinho das crianças

Se acha que crianças em casa e organização não combinam, aqui vai uma dica final: que tal separar um espaço exclusivo para elas na sala? Um espaço que tenha um tapete, uma mesinha e caixas com brinquedos onde os pequenos se possam divertir sem desorganizar a sala inteira, e onde possa observá-los enquanto recebe visitas ou realiza outras tarefas. Mãos à obra!

 

*Conteúdo patrocinado

Siga a Crescer no Instagram

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Botão calendário

Agenda

Consultar agenda