Recém-nascido

Sabia que a redução mamária pode impedir as mulheres de amamentarem?

Redação
publicado há 6 meses
0
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Tatiana viu-se impedida de amamentar o pequeno Lourenço devido a uma cirurgia de redução mamária a que submeteu em 2015. Embora já esteja conformada com a situação, foi algo que mexeu com a jovem aquando o nascimento do menino.

Em declarações exclusivas ao site da Nova Gente, a mulher de Ruben Boa Nova contou que, na altura da cirurgia, foi informada de que a impossibilidade de amamentar poderia ser um efeito secundário deste procedimento. A jovem confidenciou ainda que tal não acontece com todas as mulheres que se submetem a esta mudança. Porém, quando Lourenço nasceu, Tatiana percebeu que os efeitos no seu corpo correspondiam ao aviso médico.

«Quando são reduções mais simples, onde não se mexe no mamilo, é possível a amamentação. No meu caso não consegui», começa por afirmar. «O meu peito era muito desproporcional ao mamilo e, por isso, tiveram que me retirar o mamilo para o colocar mais pequeno e voltar a colocar na mama. Assim, os canais que levam o leite ao mamilo podem ter ficado danificados e não levar leite suficiente ao novo mamilo.»

Apesar desta condição, a recente mamã não se deixa ir abaixo e afirma que está a dar ao menino o leite aconselhado pelo pediatra.

A explicação médica

Após a conversa com a jovem mamã, recorremos à ajuda do cirurgião plástico Tiago Baptista Fernandes para obter uma explicação mais aprofundada sobre o tema.

O especialista do Painel de Saúde da Nova Gente explicou em que consiste uma redução mamária e afirmou que são «muito raros» os casos em que a mulher deixa de conseguir amamentar depois de se submeter a esta cirurgia.

Veja o vídeo:

 

Texto: Inês Mendes Fernandes, site Nova Gente

Siga a Crescer no Instagram

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Top
Botão calendário

Agenda

Consultar agenda