Família

Podemos partilhar imagens de menores nas redes sociais?

Redação
publicado há 8 meses
0
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

A Deco Proteste tira todas as dúvidas sobre este tema e o site Crescer partilha a informação consigo.

As imagens com crianças estão por todo o lado, mas as redes sociais imperam e contribuem para as divulgar de forma anárquica. Previna más experiências com os seus.

  • Reveja as definições de segurança no Facebook quanto à partilha e à visibilidade das fotos. É possível colocar filtros e restringir, com bastante rigor, o acesso a determinadas fotografias nas definições de partilha;
  • Não tire fotografias exclusivamente à cara da criança, nem imagens mais íntimas. Opte por fotos inócuas, evitando dar a conhecer em que local estão. Não ative a geolocalização em tempo real;
  • Nunca partilhe moradas, nomes de escolas, telefones e e-mails.
Se o seu filho já tiver idade suficiente para gerir uma conta, mas ainda for menor, é importante:
  • delimitar o tempo gasto nas redes sociais;
  • chamar a atenção para o respeito pelos outros nas redes sociais e abster-se de fazer comentários ofensivos, de teor racista ou sexista, por exemplo;
  • denunciar as publicações ofensivas;
  • fortalecer as competências do seu filho através da correta configuração no acesso à conta;
  • lembrar-se de que as configurações que aparecem por predefinição não asseguram um nível adequado de proteção.
Texto: Deco Proteste

Siga a Crescer no Instagram

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Top
Botão calendário

Agenda

Consultar agenda