Família

Pai viúvo veste-se de “mãe” para participar na festa do Dia da Mãe

Redação
publicado há 2 meses
0
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

A celebração das efemérides é sempre motivo de festa, mas, no fundo, há quem não consiga estar 100 por cento dedicado a essa felicidade. E Luna é exemplo disso.

A menina de cinco anos perdeu a mãe, Stella Noleto, há dois anos, vítima de complicações da doença lúpus.

Desde então, a menina nunca mais foi às festas do Dia da Mãe na escola.

«Ela queria que eu fosse de barba rosa e peruca loira»

Mas este ano, as coisas foram diferentes. «Todos os Dias das Mães são extremamente delicados para ela. Mas dessa vez ela disse-me: “Pai. Estamos a ensaiar uma música para o Dia da Mãe, mas eu não tenho mãe. A minha mãe foi morar com Jesus’. Foi então que ela me pediu que eu fosse a mãe dela por um dia na festa. Ela queria que eu fosse de barba rosa e peruca loira”, contou Daniel, o pai da menina.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

ANTES DE ME JULGAR, vejam todas as FOTOS E O VÍDEO NO FINAL !!! Pessoal, como sabem eu e a Luna perdemos a @stellanoleto … e todo dia das mães é extremamente delicado para ela… e dessa vez ela falou: “Papai.. estamos ensaindo uma música para o dia das mães… mas eu não tenho mamãe… minha mãe foi morar com papai do céu …” Eu, de todas as formas tentei persuadi-la para que a vó ou tias fossem representando a “mãe” dela, porém sem êxito…. ela quem me pediu com os olhos cheios de lágrimas.. para que eu fosse a mamãe dela por um dia… pediu-me barba rosa e peruca loira igual a da mãe original dela … pois bem .. está aí o resultado … e quero deixar a seguinte mensagem … : “ A morte é inevitável, mas não precisamos passar por isso de forma TRISTE… concordam? Luna ! Te amo ! Foi IMPAGÁVEL ver seu sorriso no rosto ao me ver de “mamãe” …

Uma publicação partilhada por D.C (@danielcorrea69) a

No dia da festa, muitos foram os que ficaram surpreendidos, mas louvaram a atitude de Daniel. Levou um vestido, saltos altos, peruca, barba rosa e um batom como toque final.

«Não pensei duas vezes. Eu amo a minha filha»

Em entrevista à publicação brasileira G1, Daniel disse que ainda tentou convencer a filha para que deixasse a avó ou a tia irem em representação da mãe. «Eu tentei de todas as formas fazer com ela aceitasse que a avó ou tias fossem representara mãe dela, no entanto, ela pediu-me com os olhos cheios de lágrimas que eu fosse como ela queria. Não pensei duas vezes. Eu amo a minha filha», referiu.

A direção da escola aceitou e todas as  mães presentes elogiaram a atitude de Daniel.

Já Luna… ficou muito feliz e ainda fez questão de realçar que o pai não soube pintar os lábios como deve ser, pois estava todo borrado.

Fotos: Reprodução Instagram

Siga a Crescer no Instagram

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Top
Botão calendário

Agenda

Consultar agenda