Saúde

Mastite: O inferno de muitas mulheres que amamentam

Redação
publicado há 2 meses
0
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

A mastite é uma inflamação do tecido mamário que ocorre durante a amamentação devido à acumulação de leite no seio.

São muitas as mulheres que se deparam com este drama e que ficam desesperadas. Algumas delas nem sabem o que têm na verdade.

Por isso mesmo, o site Crescer dá-lhe a conhecer tudo o que precisa de saber sobre este problema.

Sintomas da mastite

 

A mama fica vermelha, tensa, quente e bastante dolorosa, provoca mal-estar e é acompanhada de febre. Está associada ao bloqueio de ductos (canal onde passa o leite) ou a situações infeciosas associadas à contaminação por microrganismos através dos mamilos gretados.

A mastite ocorre com maior frequência na segunda e terceira semanas após o parto e raramente após a 12.ª semana.

Como prevenir a mastite?

 

– Tratar o ingurgitamento e os mamilos gretados;
– Evitar a compressão excessiva da mama com os dedos durante a amamentação;
– Evitar roupas que comprimam a mama.

 

O que pode levar a acumulação de leite?

 

– Dar de mamar em horários regulares;
– Períodos longos do sono do bebé à noite, o que diminui o número de mamadas e, consequentemente, o esvaziamento das mamas;
– Uso de chupetas ou de biberão o que interfere com o número de vezes que se oferece a mama ao bebé;
– Não esvaziamento completo das mamas;
– Sucção fraca do bebé;
– Produção excessiva de leite;
– Redução súbita no número de mamadas;
– Desmame repentino e abrupto;
– Fadiga materna.

O que fazer?

 

– Continuar a amamentar;
– Após a amamentação do lado afetado, esvaziar manualmente ou com ajuda de uma bomba extratora de leite, até sentir-se confortável;
– Seguir as indicações de como tratar o ingurgitamento;
– Consultar o médico obstetra;
– Repousar.

 

Todas as dúvidas que tenha, é imprescindível que converse com o seu obstetra/ginecologista.

 

Fonte: Site CUF e Mãe me Quer
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Top
Botão calendário

Agenda

Consultar agenda