Notícias

Camisolas de futebol tornam-se batas de hospital para ajudar crianças

Redação
publicado há 2 meses
0
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ultrapassar o medo através das camisolas dos “super-heróis do desporto-rei” é o mote da campanha lançada pela revista espanhola Panenka.

Esta publicação, especializada em futebol, lançou uma iniciativa especial que tem como principal objetivo ajudar os mais novos a ultrapassarem o medo que é passar por uma cirurgia. De que forma? Através de batas especiais que já andam pelos corredores da ala pediátrica de hospitais.

Confuso? Nós explicamos. A publicação já citada comprou camisolas de alguns craques do mundo do futebol e levou-as a costureiros para que refizessem as peças e as tornassem em batas de hospital.

Como aderir?

Nomes como os de Leonel Messi, Sergio Ramos e Antoine Griezmann estão nas costas dos pequenos grandes guerreiros que se encontram internados em vários hospitais. O hospital San Rafael, em Madrid, Espanha, foi o primeiro a ser apoiado por esta campanha intitulada #LasBatasMásFuertes.

Desta forma, a revista Panenka já está a “marcar golos” e a servir de intermediária entre os clubes e jogadores que queiram doar as suas camisolas para esta causa.

Assim, as entidades de saúde – sejam clínicas, hospitais ou centros de saúde -, que queiram entrar nesta iniciativa, devem enviar e-mail para lasbatasmasfuertes@panenka.org

Portugal já aderiu à iniciativa

Desde que a revista Panenka lançou a campanha – no passado dia 14 de maio -, que têm sido muitos os países a aderir à iniciativa. E claro que Portugal está neste leque de solidariedade, assim como Argentina, Itália, França ou México.

Veja, em baixo, o vídeo da campanha que está a emocionar o mundo.

 

Siga a Crescer no Instagram

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Top
Botão calendário

Agenda

Consultar agenda