Bebés/Crianças

Benefícios físicos e emocionais das massagens a bebés

Redação
publicado há 1 mês
0
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

A pele é o maior órgão do ser humano e o sentido tátil o primeiro a desenvolver-se durante a gestação, entre as seis e as nove semanas. Sendo uma das principais ligações entre o homem e o mundo que o rodeia, estabelece-se a importância e a necessidade de precocemente se fomentar o toque nutritivo.

Desde o nascimento, abraçar e acariciar com amor e confiança o seu filho é vital para o seu desenvolvimento saudável. A massagem mostra que o toque é parte importante do dia-a-dia, nutrindo o corpo, a mente e o espírito do bebé e fortalecendo os laços entre este e os seus cuidadores. Mais do que aprender a técnica de massagem, os pais e o bebé vivem momentos de descoberta e partilha.

Valorizar o “toque”

 

O curso de massagem ao bebé, da Maternidade do Hospital da Lapa, no Porto, é elaborado segundo o programa da Associação Portuguesa de Massagem Infantil (APMI) e destina-se a bebés até um ano de idade.

A principal missão dos instrutores certificados pela APMI, é promover e valorizar o ‘TOQUE’ e a comunicação nas diversas comunidades, como meio de desenvolver e fortalecer a relação pais/bebé através de momentos únicos de partilha, felicidade e bem-estar.

Através do curso, os cuidadores aprenderão a realizar a massagem ao bebé, desde as pernas, passando pela barriga, peito, braços, rosto e costas e terminando com exercícios de ginástica.


Agradecimentos: Enfermeira Joana Azevedo, Hospital da Lapa, Porto (Site: www.hospitaldalapa.pt)
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Top