Histórias Online

«As mulheres fazem bullying umas às outras!»

Histórias Online
publicado há 5 anos
0
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Desde que fui mãe tenho-me apercebido (ainda mais!) do quão cruéis as pessoas conseguem ser ao apontarem os dedos umas às outras. Falo em pessoas, mas refiro-me mais às mulheres.

As mulheres são más umas para as outras. As mulheres fazem bullying umas às outras. As mulheres são cruéis umas para as outras.

Se vemos uma mulher grávida que engordou 30 quilos, comentamos que está gorda, que ficou diferente, que aquilo até faz mal ao bebé, que isto e que aquilo.

Se vemos uma mulher grávida super magra, comentamos que é só ossos, que está feia de magra e que aquele estado físico deve fazer mal ao bebé.

Se a mulher «X» ficou com estrias ou com a barriga partida ou ainda não perdeu os quilinhos «a mais», comentamos que a sua forma física não é o que era e que jamais será.

Se perdeu mais do que tinha antes de engravidar, comentamos que antes estava muito melhor e que agora só se vê ossos.

Tudo é motivo para criticarmos, para invejarmos, para fazermos com que as outras se possam sentir pior que nós! Ups, perdão! Tudo é motivo para que as outras nunca sejam melhor que nós! A verdade é essa.

As mulheres são competitivas umas com as outras até na altura de engravidar. Porque uma foi mais gorda, outra mais magra, outra inchou nos pés, mas a outra foi pior porque inchou o nariz… Chega! Vamos por um basta nisto! Vamos unir-nos, apoiar-nos! Somos mulheres! Devemos ajudar-nos! Temos essa missão!

Nunca podemos julgar o que está por fora sem saber o que existe por dentro. As nossas críticas podem ser massacrantes para o psicológico de muitas mulheres! Não precisamos de criticar através de palavras! Os olhares também falam e são cruéis. Os olhares falam e magoam! Os olhares falam e causam o caos interior.

Enquanto formos assim umas para as outras, o mundo feminino continuará a ser triste e repleto de inveja.

O bullying é crime… e nós somos (quase) todas umas criminosas.

 

Texto: Alice Alves

Siga a Crescer no Instagram

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Botão calendário

Agenda

Consultar agenda