Notícias

Aprovada proposta de lei sobre cuidadores informais

Redação
publicado há 3 meses
0
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

O Conselho de Ministros aprovou a proposta de lei que estabelece as medidas de apoio ao cuidador informal, mas os detalhes só vão ser conhecidos no início da próxima semana, quando for feita a sua apresentação pública.

O secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros, Tiago Antunes, anunciou esta quinta-feira, dia 7 de fevereiro, na conferência de imprensa que se realizou após a reunião do executivo, em Lisboa, a aprovação desta proposta de lei, que será agora submetida à Assembleia da República.

«O Conselho de Ministros aprovou hoje a proposta de lei que estabelece um conjunto de medidas de apoio ao cuidador informal e regula os direitos e os deveres do cuidador e da pessoa cuidada», adiantou.

Esta proposta, segundo Tiago Antunes, «será objeto de uma apresentação pública e detalhada no início da próxima semana» pelo Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, momento para o qual remeteu o esclarecimento de todos os pormenores.

«Trata-se de reconhecer um conjunto de medidas de apoio aos cuidadores informais e pessoa cuidada, que devem ter um conjunto de direitos que são aqui previstos através desse diploma», disse.

Esta proposta de lei, garantiu o secretário de Estado, «está perfeitamente em linha com o que está previsto sobre esta matéria no Orçamento do Estado para 2019 que prevê de facto a realização, no imediato, de projetos-piloto de apoio a cuidadores informais».

Saiba mais no Portal Impala.

Siga a Crescer no Instagram

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Top
Botão calendário

Agenda

Consultar agenda