Educação

Animação Terapêutica: Uma área a considerar para o futuro

Redação
publicado há 3 semanas
0
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Aceder ao mundo através de um clique é uma ideia fascinante que deu às tecnologias uma preponderância e um domínio sobre o nosso quotidiano, criando um sedentarismo ao nível físico e mental.

Tendo a tecnologia possibilitar-nos as informações num dispositivo não onde só temos de criar um input na ponta dos dedos, tornamo-nos passivos e dependentes de dispositivos que pensam por nós e que podem construir e desconstruir positivamente, ou negativamente a nossa vida.

Leia também: «Help!!… As crianças já não sabem brincar… ou melhor, não as deixam brincar…»

Devido ao papel que a tecnologia tem ganhado na nossa sociedade, estamos a diminuir a nossa atividade cerebral e motora, levando a termos consequências no futuro ocorrendo mais precocemente as doenças degenerativas.

A privação da nossa capacidade de estimular o cérebro pode causar problemas degenerativos

Não necessitando o ser humano de se lembrar, de usar as suas memórias, pode acabar por perder as suas recordações, comprometendo aquilo que o torna um ser humano mais sociável, mais criativo, mais extraordinário, a própria essência do ser humano.

A privação da nossa capacidade de estimular o cérebro pode causar problemas degenerativos, até mesmo demências precoces.

A preponderância da tecnologia contribui também para problemas de comunicação e de socialização, tornando o ser humano mais egocêntrico e isolado.

Estas questões podem levar a dificuldades linguísticas, auditivas, a uma maior dependência de ansiolíticos, isto é, a longo prazo os problemas para o nosso Serviço Nacional de Saúde irão ser cada vez mais elevados, com a previsão de um aumento de pacientes.

Acautelar, trabalhar e desenvolver, é necessário efetuar as devidas prevenções

É com esta consciência, de que é fundamental prevenir para acautelar demências no futuro, que a Animação Sociocultural, na sua vertente terapêutica, tem ganhado relevância.

A Animação Terapêutica desenvolve e estimula as vertentes sensoriais e cognitivas do cérebro, contribuindo, assim, como um “medicamento” para a prevenção de doenças neurológicas.

Leia ainda: O papel das famílias no processo de ensino

A implementação da Animação Sociocultural, nos serviços de apoio à comunidade, na sua vertente Animação Terapêutica, é essencial, pois só trabalhando a prevenção se podem melhorar os cuidados de saúde.

Devemos cada vez mais adotar políticas de prevenção, as doenças relacionadas com a demência aumentarão no Serviço Nacional de Saúde. O caminho é apostar em profissionais de técnicos Superiores de Animação Sociocultural implementaria uma maior diversidade de atividades lúdicas e terapêuticas de baixo custo, tornando o ser humano mais alegre e feliz, melhorando o seu bem-estar e consequentemente, a sua saúde metal.

Prevenir e contribuir para um futuro mais saudável.

 

Texto: Bruno Trindade – Phd Student Doutoramento (btrindade30@hotmail.com) e Ricardo Pocinho– Prof. Investigador 
pocinho@hotmail.com

Siga a Crescer no Instagram

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Artigos relacionados

Últimas

Top
Botão calendário

Agenda

Consultar agenda